Fabricantes de etanol aproveitam alta na demanda após reajuste de preços

>
Fabricantes de etanol aproveitam alta na demanda após reajuste de preços
Fonte da Imagem: http://www.gazetadopovo.com.br/
Fabricantes de etanol comemoraram o reajuste da gasolina. A má notícia é que o preço do álcool também pode subir.
Os caminhões chegam carregados de cana e seguem direto para as máquinas desta usina na Zona da Mata de Pernambuco. Ela ficou fechada por dois anos, mas agora já começa a moer a nova safra, que termina em maio do ano que vem.
Por causa da crise no setor de etanol, quase 70% das usinas de Pernambuco pararam de funcionar, mas depois que o preço da gasolina subiu pela segunda vez no ano, tem empresário pensando em voltar a produzir.
A gasolina mais cara dá margem para os fabricantes de etanol também aumentarem o preço na bomba. O reajuste em todo o Brasil deve ser de 6% igual ao da gasolina.
Em um posto de Caruaru (PE), o preço do litro do etanol passou de R$ 2,55 para R$ 2,69 o litro. Em todo o país o reajuste deve ser de 6%, igual ao da gasolina. Assim, a produção de etanol que antes estava dando prejuízo volta a ser lucrativa.
O representante de 20 usinas da região Centro-Sul, a maior produtora do país, concorda. Ele acredita que o mercado mais favorável ao etanol vai resultar em um aumento de produção do combustível no ano que vem.
"Nesse novo reajuste da gasolina você começa a trazer o etanol dentro de uma realidade de competição com a gasolina. Nosso produto precisa de um reajuste para que a gente possa voltar a crescer, a gerar caixa para aumentar a oferta em um futuro próximo", afirma Tarcilo Ricardo Rodrigues, diretor da Bioagência.
No Nordeste, a produção mal começou e já tem comprador certo. "A briga é grande. Várias distribuidoras. Elas todos os dias nos ligando pedindo álcool", conta Gerson Carneiro Leão, diretor da usina.
A retomada do etanol também deve gerar 25 mil empregos em Pernambuco, um alívio para o seu Aluísio, que agora voltou a fazer planos.
"Eu pretendo trocar de carro. Já estou quase chegando lá", diz Aluísio Antônio da Silva, eletricista de manutenção.
Para assistir a matéria completa divulgada pelo Jornal da Globo de ontem (1º), clique aqui.
Amanda Dantas
Fonte: Jornal da Globo - Rede Globo
 
  • Imprima
    esse Conteúdo
  • Envie para
    um amigo
  • Compartilhar
    o conteúdo
  •  
  •  
  •  
  •  
  •